Fábio Coentrão comprou a carta de condução no mesmo local onde comprou o cabelo

Vítor Elias 9 de Julho de 2013

Segundo a manchete do “Correio da Manhã”, sempre atento às questões fulcrais para o futuro nacional, a carta de condução de Fábio Coentrão foi comprada a uma rede corrupta.

Ao que o IP apurou, a mesma rede também lhe vendeu o cabelo louro claramente falso e o passado humilde e tocante em Caxinas. Na realidade, Fábio Coentrão III nasceu numa influente família nova-iorquina. VE 

Tópicos

Últimas

Do arquivo