Vítor Gaspar queixa-se que Paulo Portas lhe sabotou o impacto da demissão

Vítor Elias 2 de Julho de 2013

O ex-ministro das Finanças continua dorido e furioso com Paulo Portas.

Não apenas o líder do CDS-PP sabotou-lhe a acção no Governo e foi responsável por não ter conseguido fechar atempadamente coisa nenhuma, como até na hora de sair do Governo Paulo Portas decide imitá-lo e colocá-lo na sombra. “Já ninguém fala, analisa, perora sobre a minha demissão. A minha saída tornou-se igual, semelhante, equivalente em importância à do Oscar Cardozo. Maldito, blasfemo, herege seja Paulo Portas”, confessou, agastado. VE

Tópicos

Últimas

Do arquivo