João Ferreira do Amaral diz que sair do Euro implicaria sacrifícios semelhantes aos da guerra entre Julia Pinheiro e Teresa Guilherme

Vítor Elias 18 de Junho de 2013

Francisco Louçã garante que sair do Euro equivaleria aos sacrifícios que os nossos avós sentiram durante a II Guerra Mundial, opinião com que o economista João Ferreira do Amaral não podia estar mais em desacordo.

“Que exagero, a II Guerra Mundial. Quando muito, sair ordeiramente do Euro implicaria os sacrifícios que os portugueses sofreram durante a guerra entre a Julia Pinheiro e a Teresa Guilherme, uma situação grave, é certo, mas suportável. Ainda assim, admito que as coisas pudessem piorar nesse cenários e os portugueses fora do Euro levassem tantas como o Marco Borges na China”, confessou o economista. VE

Tópicos

Últimas

Do arquivo