Novo Papa será jovem e vai trabalhar a recibos verdes

João Henrique 27 de Fevereiro de 2013

Depois da experiência falhada com Bento XVI, que não teve vigor físico para assumir o cargo em plenitude e reformar a Igreja, o gabinete de recursos humanos do Vaticano já tem um perfil para o novo Papa.

Através do Programa Impulso Jovem da Cúria Romana, o novo Papa deverá ter entre os 23 e os 35 anos, formação teológico-pastoral de nível médio, ser fluente em 50 línguas e terá de ter nota positiva nos exigentes exames médicos. O novo Papa fará um estágio não remunerado no Vaticano, contrato de 3 meses, com 50 euros mensais em senhas de refeição, e terá de pagar do seu próprio bolso as batinas, os sapatos Prada, as jóias, a ligação à net para actualizar o Twitter, as viagens e a gasolina do Papamóvel. JH

Tópicos

Últimas

Do arquivo