PIB recua 3,2% e enfaixa-se no crédito malparado

Mário Botequilha 14 de Fevereiro de 2013

A economia portuguesa contraiu 3,2% em 2012, diz o INE. Trata-se de uma quebra superior à prevista pelo governo, pela Troika e pela taróloga Maya.

“Eu estava a ver o homem a fazer a manobra e gritei ‘vire tudo e agora destroce, destroce, chefe’ mas aquilo recuou 3,8% no último trimestre e foi meter a traseira toda dentro contra o crédito malparado”, explica o arrumador que testemunhou o desastre. MB

Tópicos

Últimas

Do arquivo