Conselhos Inimigo Público para a noite da Passagem de Ano

António Marques 31 de Dezembro de 2012

O Inimigo Público, que faz tudo pelos seus leitores ( com a óbvia excepção de lhes emprestar dinheiro) dá alguns conselhos para que a noite da sua Passagem de Ano atraia energias positivas para o novo ano de 2013.

Dá sorte usar roupas novas, os sem-abrigo nunca cumprem este ritual e o novo ano não lhes costuma correr muito bem. Roupa de cor amarela, atrai dinheiro e prosperidade mas não a combine com um boné, pois pode ser confundido com o treinador do Paços de Ferreira. A cor azul atrai tranquilidade e protecção, não é por acaso que os jogadores do FC Porto, que vestem de azul, são tantas vezes protegidos pelos árbitros. A cor branca atrai paz, harmonia e luz, tudo coisas boas que compensam a foleirada pindérica e o mau gosto de estar vestido como o Roberto Leal. A cor rosa atrai amor e transformação ( O rosa PS já é amado pelo povo e Seguro irá transformar-se em primeiro-ministro ) e, no caso dos gays, significa que vai ser uma noite de sexo promíscuo e ano de uma futura mudança de sexo. A cor vermelha, atrai paixão, força, poder e riqueza, ou talvez não, afinal há centenas de milhares de benfiquistas que vestem no dia-a-dia a camisola do Benfica e são beneficiários do RSI. A cor laranja atrai alegria e festa, embora corra o risco de ser confundido com o palhaço Batatoon ou com o Manuel Luís Goucha. A cor roxa atrai talento, não é por acaso que todos os redactores do IP vestem sempre de roxo. Por último, não use roupa apertada ( Os gays devem abrir uma excepção e trocar a t-shirt da Amália modelo S por uma t-shirt da Amália modelo XL ) e guarde dinheiro dentro do bolso. Não é preciso ser uma nota, uma simples moeda de 50 cêntimos serve. Afinal, vai ser esse o único dinheiro que a maior parte dos portugueses terá diariamente na carteira em 2013. A.M

SIGA-NOS NO FACEBOOK


Sexta-feira acompanhe a versão impressa do Inimigo Público com o jornal Público.

Tópicos

Últimas

Do arquivo