Às 12h12 do dia 12.12.12, Cavaco matou 12 galinhas pretas sobre o orçamento de estado

Mário Botequilha 12 de Dezembro de 2012

A ciência económica já teve melhores dias.

Hoje, dia 12 do mês 12 de 2012, Cavaco e os seus assessores fecharam-se numa cave do Palácio de Belém com 12 exemplares do orçamento de estado para 2013, puseram um disco de José Cid a tocar, borrifaram 12 vezes o documento com aguardente de cana da Madeira e degolaram 12 galinhas pretas, derramando o sangue sobre as páginas com as previsões macroeconómicas e de arrecadação fiscal. No final, foi tudo coberto com sal grosso e tomilho e Nunes Liberato pegou fogo à cena. O almoço da GNR do Palácio foi cabidela. MB

SIGA-NOS NO FACEBOOK


Sexta-feira acompanhe a versão impressa do Inimigo Público com o jornal Público.

Tópicos

Últimas

Do arquivo