Presos que querem fugir à austeridade vão pagar IMI das celas onde vivem

Vítor Elias 28 de Novembro de 2012

Perante a possibilidade de optarem pela liberdade antecipada, cada vez mais reclusos preferem ficar na cadeia, para não enfrentarem a austeridade “cá fora”.

Porém, Vítor Gaspar decidiu trocar-lhes as voltas, obrigando-os a pagar IMI pelas celas onde vivem, fazendo assim com que a austeridade também chegue “lá dentro”. Para além disso, serão obrigados a pagar IRS pelo dinheiro que roubaram, sendo escalonados em cinco escalões, que começa em “mulher que rouba tentáculos de pota no LIDL” e acaba em “José Oliveira e Costa”, sendo que este último escalão paga uma sobretaxa de solidariedade de 4%. Os presos vão mandar as alterações fiscais ao Francisco Moita Flores e ao Hernâni Carvalho, o Tribunal Constitucional da criminologia. VE



SIGA-NOS NO FACEBOOK


Sexta-feira acompanhe a versão impressa do Inimigo Público com o jornal Público.

Tópicos

Últimas

Do arquivo