Alberto da Ponte exige que Fátima Campos Ferreira use mini-calções justinhos no ‘Prós & Contras’

Vítor Elias 6 de Setembro de 2012

Alberto da Ponte vai ser o próximo presidente do Conselho de Administração da RTP, nomeado por Miguel Relvas.

O até agora presidente da Sociedade Central de Cervejas pretende replicar na RTP o modelo de sucesso que implantou na Sagres, cujos anúncios se caracterizavam por gajas boas de calções curtinhos e tops mínimos com decotes maiores que o Vale do Foz Côa, desejadas alarvemente por homens embriagados e ligeiramente aparentados dos Cro-Magnon, a julgar pela pouca capacidade linguística que mostravam. Assim, Fátima Campos Ferreira deverá começar a usar calções para criança da Cenoura, sapatos com saltos mais altos que o défice grego e decotes profundos como o Eduardo Lourenço, sendo que deverá estar sempre com a roupa molhada, lavando o estúdio com uma mangueira subtilmente fálica. Para além disso, os convidados do programa passarão a ser três broncos de cada lado que discutirão, entre assobios e piropos, se Fátima Campos Ferreira é apenas boa que nem o milho (os do lado do “contra”) ou se até lhe faziam um pijaminha de cuspe (os do lado do “prós”). VE

SIGA-NOS NO FACEBOOK


Sexta-feira acompanhe a versão impressa do Inimigo Público com o jornal Público.

Tópicos

Últimas

Do arquivo