Usain Bolt vai tentar bater recorde da licenciatura de Relvas

Mário Botequilha 6 de Agosto de 2012

Bolt voltou a cilindrar a concorrência nos 100 metros dos Jogos Olímpicos e agora promete esmagar Miguel Relvas.

“A pista já não tem desafios à minha altura”, disse o jamaicano ao INIMIGO. “Vou virar-me para o mundo académico, onde há recordes para bater dos mais rápidos entre os rápidos. Amanhã meto os papéis para ir à Lusófona e licenciar-me em ciência política”, explica o homem mais rápido do mundo. Bolt acredita ser capaz de abater alguns centésimos ao tempo de Relvas mas revela respeito pelo adversário. “Eu passo a vida a treinar e não não tenho ido às reuniões da maçonaria nem passo nove horas por dia ao telefone com construtores civis, autarcas e chefes das secretas”, explica. MB


SIGA-NOS NO FACEBOOK


Sexta-feira acompanhe a versão impressa do Inimigo Público com o jornal Público.

Tópicos

Últimas

Do arquivo