Freeport está finalmente a ficar claro: arguido admite pedido de 2 milhões do “Pinóquio” ao “Axl Rose”

António Marques 12 de Julho de 2012

O Freeport tem tratamento judicial distinto do Casa Pia. No Casa Pia, 10% da população mundial foi já arrolada, como arguido ou testemunha, no Freeport são só 2 gajos, o Smith& Pedro, que ainda ninguém percebeu se são testemunhas, arguidos, jornalistas, inspectores da PJ, advogados, procuradores do MP ou juízes.

O nome mais citado no Freeport nunca foi chamado, algo como se o Bibi nunca tivesse sido chamado no Casa Pia. Nas primeiras 150 sessões, Smith disse que entregou 2 milhões de contos ao “Pinóquio“, para este viabilizar o Freeport mas agora, vencido pelo cansaço, já se descai perante o juiz: “Numa reunião em Alcochete, onde estiveram o Batman, o Surfista Prateado e o Homem-Aranha, decidiu-se pagar 500 mil euros ao Sport Billy, para contactar o D’Artacão, que faria a ligação com o Scooby Doo. Enquanto isso, o Plastic Man e o Pato Donald acertavam tudo com o Pinóquio“. “Ah, agora já nos começamos a entender, Mr.Smith“, respondeu o juiz. A.M

SIGA-NOS NO FACEBOOK


Sexta-feira acompanhe a versão impressa do Inimigo Público com o jornal Público.

Tópicos

Últimas

Do arquivo