D. Corleone decide que final será Itália x Portugal

Mário Botequilha 19 de Junho de 2012

A decisão de Michel Platini, de que a final do Euro 2012 seria disputada entre a Alemanha e a Espanha, foi revogada por uma instância superior.

A frase do presidente da UEFA não caiu bem junto das outras comitivas ainda em prova e foram contratadas onze sociedades de advogados e vários maçons que cobraram milhões de euros para escrever “Pensem lá melhor no assunto” num guardanapo de uma marisqueira. O requerimento já teve resposta: a final do Euro será jogada entre Portugal e Itália por decisão irrevogável, e sob a ameaça de certas pessoas acordarem com cabeças de cavalo aos pés da cama, de D. Corleone. Resta saber se Cristiano Ronaldo vai acatar o recado, que lhe foi deixado pelos italianos, “deixa o caneco, leva os cannolis”. MB

SIGA-NOS NO FACEBOOK


Sexta-feira acompanhe a versão impressa do Inimigo Público com o jornal Público.

Tópicos

Últimas

Do arquivo