Universidades ameaçam cancelar licenciaturas e concertos do Quim Barreiros por causa das dívidas

Fábio Benídio 4 de Maio de 2012

Várias universidades lançaram um ultimato aos ex-alunos para que paguem as propinas em atraso, caso contrário verão os seus graus anulados, as cartolas apreendidas e os ordenados que eventualmente recebam por trabalharem num ‘call center’ penhorados.

Uma ex-aluna da Universidade de Coimbra disse ao IP que não sabia o que seria da vida dela se lhe retirassem o grau de professora doutora em Bioquímica, com pós-doutoramento em Biologia Molecular: “Às tantas mandam-me embora do super-mercado”. Mas há instituições que pretendem ir mais longe na cobrança coerciva das dívidas e anunciaram a intenção de penhorar o Quim Barreiros, o maior activo dos estudantes a seguir ao Absinto, o que poderá inviabilizar muitas Queimas das Fitas. FB

SIGA-NOS NO FACEBOOK


Sexta-feira acompanhe a versão impressa do Inimigo Público com o jornal Público.



Tópicos

Últimas

Do arquivo