Sarkozy comeu orelheira e disse que era do Benfica desde pequenino

Fábio Benídio 21 de Abril de 2012

Numa tentativa desesperada de conquistar o eleitorado português e inverter as sondagens que o dão como derrotado nas presidenciais francesas do próximo Domingo, Nicolas Sarkozy foi almoçar ao restaurante Quinta do Galo – Chez Anna, nos arredores de Paris, e mostrou-se muito conhecedor da gastronomia e cultura lusas.

“Tenho muitas afinidades com os portugueses: sou baixinho, adoro piqueniques, abrando o carro sempre que passo por um acidente e já fiz puxadas de luz. No que toca à comida, sou um grande apreciador de cabidela, orelheira e tripas”, adiantou Sarkozy antes de tentar convencer um repórter de que era do Benfica desde pequenino, quando viu o Shéu a jogar. FB

SIGA-NOS NO FACEBOOK


Sexta-feira acompanhe a versão impressa do Inimigo Público com o jornal Público.

Tópicos

Últimas

Do arquivo