Relvas vai servir moamba e pato à Pequim no jantar do congresso do PSD

Vítor Elias 24 de Março de 2012

Miguel Relvas tomou conta do PSD e isso vai ficar patente no congresso do partido, que começou ontem no Pavilhão Atlântico.

Assim, Miguel Relvas receberá os delegados à porta do recinto, de roupão e chinelos, dizendo-lhes “entrem, entrem, façam como se estivessem em vossa casa”, oferecendo-lhes alguns acepipes que aprendeu a fazer durante as suas viagens de negócios governamentais, como hóstias de camarão e bolinhos-da-sorte chineses. Ao almoço, a tradicional carne assada dos antigos congressos do PSD será substituída por moamba e pato à Pequim, feitos pelo ministro numa Bimby que lhe foi oferecida pelo presidente da China Three Gorges, Cao Guangjing. Quando o congresso acabar, Miguel Relvas levará os delegados até à porta da rua e dirá “voltem sempre”, ao que voltará para a sala para comer o último Ferrero Rocher, altura em que Passos Coelho voltará porque se esqueceu das chaves do carro e ficará com o bombom, para irritação do seu ministro. VE

SIGA-NOS NO FACEBOOK


Sexta-feira acompanhe a versão impressa do Inimigo Público com o jornal Público.

Tópicos

Últimas

Do arquivo