Poul Thomsen é substituído na delegação do FMI em Portugal pelo etíope Abebe Selassie, pelo que as maratonas negociais com o FMI vão ser impossíveis de ganhar

António Marques 5 de Março de 2012

Poul Thomsen deixou de ser o chefe da equipa do FMI em Portugal (como é que Álvaro Pereira quer convencer as empresas estrangeiras a não abandonar Portugal, se nós nem sequer conseguimos segurar os tipos do FMI?!).

Thomsen esteve na redacção do IP para se despedir do pessoal e jurou que continuará a acompanhar o resgate a Portugal à distância “no sofá da minha sala de estar em Copenhague, de Carlsberg na mão, no intervalo dos jogos da Champions League “. Thomsen, dinamarquês, será substituído pelo etíope Abebe Selassie (quando Portugal recebe ordens de economia de um etíope é porque já bateu no fundo!). Da equipa do BCE sai o alemão Jurgen Klinsmann e entra o grego Niklos Katsouranis e da equipa da UE sai o finlandês Juha Kankkunem e entra o irlandês John O’Shea. Portugal passa então a ser monitorizado por etíopes, gregos e irlandeses. Qualquer dia o chefe da “troika” em Portugal é José Sócrates. A.M



SIGA-NOS NO FACEBOOK


Tópicos

Últimas

Do arquivo