Breivik vai ser interrogado por Alfredo Barroso e Teresa Caeiro

Mário Botequilha 28 de Julho de 2011

A polícia norueguesa revelou-se implacável com o autor dos atentados de Oslo e nem sequer lhe terá dito o resultado do Benfica x Trabocoiso.

O tratamento dispensado a Anders Breivik vai endurecer, ainda mais, para padrões que só encontram paralelo nas cenas de pancadaria do futebolista Miguel nas discotecas da Margem Sul de Lisboa: Portugal cedeu Alfredo Barroso e Teresa Caeiro para apertarem com o radical norueguês, à porta fechada e só com a presença de três fotógrafos do “Correio da Manhã”. O Sr. Alfredo e a D. Teresa (a forma de tratamento que preferem) são, reconhecidamente, os dois maiores distribuidores de lamparinas da televisão nacional. Esta semana até fizeram Mário Crespo chorar durante o debate na SIC Notícias. MB

Esta notícia não será actualizada em permanência na edição do INIMIGO PÚBLICO em papel desta sexta-feira.




SIGA-NOS NO FACEBOOK


Sexta-feira acompanhe a versão impressa do Inimigo Público com o jornal Público.

Tópicos

Últimas

Do arquivo