GNR de Coruche vira ecológica, usando bicicletas e espancando meliantes com bastões feitos de maçaroca de milho

António Marques 9 de Julho de 2011

A polícia, na patrulha das praias, usa veículos não poluentes, como bicicletas. A intenção é boa, mas o dever da polícia não é proteger o planeta, é proteger as pessoas que vivem no planeta.

Que meliante respeita um polícia que anda de bicicleta? Metam 2 polícias num carro patrulha, com óculos escuros e o delinquente até se mija pelas pernas abaixo! A GNR de Coruche, aderiu à moda da ecologia e os militares percorrem a cidade de bicicleta, usando bastões feitos de maçaroca de milho, algemas de cânhamo bio-degradável, pistolas que disparam balas de soja, taser que funciona a energia solar e bombas de gás tofu. A GNR de Coruche bebe em serviço cerveja de lúpulo integral e whisky de seitan, com uns ecológicos 57 graus de álcool. Polícia e ecologia não combinam. Imagine-se o Sonny Crockett e o Ricardo Tubbs a perseguir em Miami traficantes de droga com um Segway! Que palhaçada! A.M

SIGA-NOS


Sexta-feira acompanhe a versão impressa do Inimigo Público com o jornal Público.

Tópicos

Últimas

Do arquivo