A ‘troika’ sabe o que fizeste no Verão passado

Vítor Elias 12 de Junho de 2011

O memorando de entendimento com a “troika” exige um miríade de medidas que devem ser tomadas pelos portugueses. Agora que chegou a época balnear, o IP ensina-o a aplicar algumas das exigências do FMI, UE e BCE nas suas férias.

• “Evolução do mercado laboral” (medida # 4.7): Faça com que seja a sua sogra a carregar a geleira cheia de minis e sandes de mortadela para a praia e, caso seja leitor assíduo da revista “Happy”, que seja um desconhecido a passar o protector solar pelo corpo da sua mulher, enquanto você fica visivelmente entusiasmado;

• “Melhorar a qualidade do ensino (medida # 4.10): Em vez de deixar a sua mulher passar o dia todo a dizer “saiam da água”, “já disse que é hora de saírem da água” e “vá lá, saiam da água, façam esse favor à mãe”, diga aos aos seus filhos “saiam já da m… da água ou levam com o pára-vento nos cornos”;

• “Reduzir os incentivos para o aumento da dívida das famílias” (medida # 2): Escolha um hotel que fique o mais longe possível de qualquer restaurante, tasca ou espelunca algarvia, principalmente se venderem mariscos e tiverem quatro mesas de plástico no meio da rua a que chamam “esplanada”;

• “Facilitar a resolução dos casos pendentes fora do tribunais” (medida # 7.6): Em vez de pedir o Livro de Reclamações do restaurante algarvio que lhe tentou impingir amêijoas vietnamitas como se fossem da Ria Formosa, parta logo as trombas ao empregado-de-mesa;

• “Controlar os custos no sector da saúde” (medida # 1.10): Besunte os seus filhos com o Tulicreme que sobrar das sandes em vez de gastar dinheiro em protectores solares;

• “Reforçar a regulação e supervisão bancária” (medida # 2): Tenha em redobrada atenção onde deixa a sua carteira com o cartão Multibanco, caso contrário o seu filho mais novo vai alavancar-lhe as finanças todas em gomas;

• “Eliminar os ‘golden shares’ e todos os outros direitos especiais estabelecidos por lei” (medida # 8.1): Deixe de estacionar nos lugares reservados a deficientes dos restaurantes. VE

SIGA-NOS



Sexta-feira acompanhe a versão impressa do Inimigo Público com o jornal Público.

Tópicos

Últimas

Do arquivo