Pepinos portugueses engasgam alemães

Inimigo Público 29 de Maio de 2011

Tiago G Varanda

Contaminados com uma variante da bactéria EHEC (esquimofusifóide hepália endócrina coerteptiva), mais de uma tonelada de pepinos produzidos em Portugal acabaram por envenenar consumidores alemães. O ligeiro desconforto crescente levou a reacções alérgicas fortes, vómitos, calafrios, dores de cabeça e, mais recentemente, hérnias. Contactos de alto nível entre os Ministérios da Agricultura Português e Alemão desenvolveram-se nas últimas horas no sentido de minorar os efeitos na saúde das populações. Ao que se sabe, a moeda de troca poderá ser moeda.

Tópicos

Últimas

Do arquivo