Feministas passaram a adorar Bin Laden, depois de verem vídeos caseiros em que Osama ajudava as 4 mulheres e 34 filhas na lida da casa

António Marques 14 de Maio de 2011

Bin Laden, que condenava a liberdade das mulheres no mundo, não agia assim com as 4 mulheres e as 34 filhas. Vídeos mostram Bin Laden a cozinhar, surpreendendo o mulherio com uma receita saborosa, cujo segredo foi usar um caldo Knorr.

A dada altura, a 3ª mulher vira-se para Bin Laden e diz: “Estar casada contigo é como estar casada com o chef Sá Pessoa!”. Noutro vídeo, Bin Laden vê a Al Jazeera, mas depois dos protestos das 38 mulheres, mudou para a SIC Mulher, vendo com elas o “Querido, Mudei a Casa”. AM

SIGA-NOS


Sexta-feira acompanhe a versão impressa do Inimigo Público com o jornal Público.

Tópicos

Últimas

Do arquivo