Muammar Khadafi “crashes” em São Bento

Inimigo Público 26 de Fevereiro de 2011

Por Leandro Seabra

José Sócrates foi surpreendido na sua residência oficial, a altas horas da noite, pelo ainda ditador Líbio, Muammar Khadafi. A surpresa foi total pois o primeiro-ministro julgava que este estaria na Venezuela com o amigo comum, Hugo Chavez. Khadafi disse a Sócrates que não tinha mais para onde ir e que ele (Sócrates) é o seu único verdadeiro amigo.

Ao que se sabe, Sócrates e Khadafi passaram a noite acordados, rodeados de minis e shots de bagaço da Guarda, com Khadafi a lamentar ter dedicado os seus melhores anos de vida a oprimir o povo Líbio sendo aquilo que se sabe a paga que recebe. Chegou mesmo a apelidar os Líbios de ingratos e de serem “macaquinhos de imitação”. José Sócrates confortou o amigo e disse compreender o que este está a sentir, pois sabe muito bem o que é estar rodeado por “bota-abaixistas” ingratos. Pouco antes de entrar em coma alcoólico, Khadafi já se sentia bem melhor, tendo até “cravado” o Magalhães de Sócrates para actualizar o perfil no facebook (de “estou na m***a para “são bons indicadores, não são?”), ver o site badalhoco preferido de ambos (o Blog Jugular) e tentar saber mais acerca da empresa na qual Sócrates disse poder arranjar-lhe um cargo de administrador (a PT).

Tópicos

Últimas

Do arquivo