Teixeira dos Santos vai cobrar imposto de camionagem às prostitutas de estrada

Mário Botequilha 13 de Janeiro de 2011

Cerca de três mil prostitutas holandesas que trabalham nas vitrinas de Amesterdão vão ter de pagar impostos para ajudar a equilibrar as contas públicas.

Por cá, depois de entender que ainda não tinha chegado o momento de taxar as pessoas por usarem óculos ou por coçarem a micose, Teixeira dos Santos resolveu avançar com um escalão especial do imposto de camionagem para as prostitutas de estrada, vendedores da “Borda d’Água” e bombeiros a venderem rifas para ajudar a comprar ambulâncias nos semáforos. No mesmo âmbito, o Benfica acaba de contratar dois jogadores da Académica de Coimbra, equipa com que irá jogar no domingo. MB

Seja fã do Inimigo Público no Facebook


Últimas

Do arquivo