Apneia em Cancún

Inimigo Público 14 de Dezembro de 2010

Por D. Urraca

Com o objectivo de diminuir as emissões de CO2, a estratégia da Comissão Europeia para as negociações em Cancún passa pela proposta de uma apneia obrigatória para Chineses e Americanos, responsáveis por metade das emissões globais que resultam da expiração (fenómeno mecânico da função respiratória, que consiste na expulsão do ar dos pulmões para o exterior). Fonte da Comissão Europeia revela não compreender a reticência destas potências em assinar um acordo vinculativo e acrescenta: ‘”aceitamos o compromisso de uma apneia diária em vez de cinco vezes ao dia como propõe a delegação de Tuvalu”.

Tópicos

Últimas

Do arquivo