FMI recusa-se a entrar em Portugal

Inimigo Público 1 de Dezembro de 2010

Por Gonçalo Carvalho

O Sporting clube de Portugal formalizou hoje o pedido de ajuda financeira ao FMI, alegando que nem as multas extorquidas a Maniche são suficientes para equilibrar as contas do clube leonino.

Algumas horas depois, surgia a resposta peremptória do porta-voz do fundo monetário internacional: “não prestaremos ajuda a qualquer organismo de um país que aparenta ser uma potência mundial, ao revalidar ano após ano os recordes do guiness da a maior feijoada e maior bolo rei do mundo. Seria um contrasenso apoiar Portugal”. O ministro Teixeira dos Santos reagiu a estas declarações, caracterizando-as como injustas, uma vez que Portugal possui esses recordes megalómanos mas também ocupa as 20 primeiras posições no recorde de “maior caloteiro na mercearia do bairro” e o recorde de “País que mais precisa do FMI”.

Tópicos

Últimas

Do arquivo