Cavaco Silva forçou entendimento de José Sócrates e Pedro Passos Coelho na candidatura portuguesa à Ryder Cup 2018 para impedir nervosismo crescente dos golfistas internacionais

Vítor Elias 17 de Outubro de 2010

Portugal candidatou-se à organização da Ryder Cup 2018, mas a Professional Golf Association exigiu a assinatura de José Sócrates e a concordância de Pedro Passos Coelho. Por isso, Cavaco Silva apelou a que se entendam, para aplacar o nervosismo dos golfistas internacionais e o histerismo de João de Deus Pinheiro. O campeão Tiger Woods, por exemplo, está tão nervoso com a instabilidade política portuguesa que passou a sofrer de ejaculação precoce e já não consegue satisfazer as suas 218 amantes. VE

Tópicos

Últimas

Do arquivo