Governo quer congelar funcionários públicos até 2018 quando forem de novo aumentados

António Marques 1 de Outubro de 2010

Segundo Teixeira dos Santos, mergulhar 800 mil funcionários públicos em nitrogénio líquido a menos de 180 graus centígrados até 2018 pode ser a salvação do país.

“Pensando bem, esta crise pode prolongar-se ad eternum, pelo que vou deixá-los no congelador durante 50 anos como no Demolition Man! No filme, o Stallone só é descongelado quando foi preciso combater outra vez o crime, pelo que os 800 mil funcionários públicos só sairão do frigorífico quando o défice estiver a zero! Lá para 4567!”. AM

Tópicos

Últimas

Do arquivo