Cardeal Patriarca de Lisboa irritado com entrevista de Jorge Jesus

Inimigo Público 29 de Setembro de 2010

Por Samuel Abeillard

Na sequência da entrevista de Jorge Jesus ao site da UEFA onde este afirmava que o Benfica “é quase uma religião”, D. José Policarpo quis deixar bem claro que a “única religião é a da Santa Madre Igreja Católica Apostólica Romana, e lá por ele ser homónimo do filho de Deus, que não pense em inventar outra religião! Até porque o outro Jesus era letrado e fez muitos milagres e os únicos milagres que “este” Jesus fez foi na época passada tornar o Benfica campeão e o milagre da multiplicação capilar caótica na sua própria mona. E se o Benfica fosse tornado religião, quem era o deus? O Eusébio? E na Eucaristia, as hóstias eram feitas de sandes de courato e o vinho era substituído por Minis?”, questionou o Cardeal Patriarca. “A única semelhança”, acrescentou, “é que ele fala uma língua parecida com a que o próprio Jesus Cristo falava, o Aramaico, mas não chega…”

Tópicos

Últimas

Do arquivo