Professora Bruna Real, de Mirandela, fará vídeo para o “kit” das aulas de Educação Sexual nas escolas.

Inimigo Público 2 de Julho de 2010

Por Paulo Nunes

Segundo a Ministra da Educação, será uma forma de poupar nas despesas correntes, uma vez que a referida docente já é paga para dar aulas de complemento curricular. “Trata-se de um dois em um”, afirmou, sorrindo, a Ministra. Entretanto, cerca de 68 000 professores do género masculino já se inscreveram no portal das escolas para o “dois em um”, estando os restantes a ser alvo de processo disciplinar por, aparentemente, terem pouca vontade em contribuir para a diminuição de gastos do Ministério. Já o Sindicato dos Professores afirma que é por terem apoiado entusiasticamente o casamento Gay, e que se trata de uma flagrante discriminação, uma vez que a referida professora nem sequer é sindicalizada. Entretanto, contactada a Câmara Municipal de Mirandela, a vereadora que decidiu remeter a docente para funções no arquivo municipal declarou que não foi convidada para o vídeo, nem como figurante.

Tópicos

Últimas

Do arquivo