Mão de Deus impede árbitro assistente de levantar a bandeirola

Inimigo Público 29 de Junho de 2010

Por Bruno Sousa

Depois de dar o seu contributo em ’86 para eliminar a Inglaterra, eis que a mão de Deus volta a mostrar a sua tendência para dançar o tango. Desta vez, não deixou o árbitro assistente levantar a bandeirola e assinalar o fora-de-jogo claro no 1º golo da Argentina frente ao México. O árbitro principal foi pedir explicações ao assistente, que lhe terá dito: “O gajo está claramente fora de jogo, mas o braço não subiu. Foi mais forte do que eu.” A decisão final acabou por confirmar o golo irregular, numa clara tentativa por parte da equipa de arbitragem italiana em evitar uma reacção por parte do Vaticano contra o desporto-rei.

Tópicos

Últimas

Do arquivo