Jovens dedicam-se ao tráfico de droga porque ainda não têm idade para se dedicarem ao tráfico de influências

Vítor Elias 18 de Abril de 2010

O Relatório Anual de Segurança Interna revelou que 1/3 dos 4847 suspeitos detidos por tráfico de droga, no ano passado, eram jovens entre os 16 e os 21 anos. Ao que o IP apurou, os menores de idade não apreciam o tráfico de droga, mas queixam-se de que o actual Código do Trabalho não lhes permite trabalhar em empresas onde se pudessem dedicar a actividades socialmente aceitáveis em Portugal, como a corrupção. “Infelizmente, teremos de esperar ainda alguns anos para trabalhar na PT e combinarmos almoços entre o primeiro-ministro e alguma estrela do futebol nacional entretanto retirada, como o Simão Sabrosa”, explicou um traficante de droga de 16 anos. “Não gosto de vender haxixe. O que eu queria mesmo, se me deixassem, era vender fibra óptica”, concluiu. VE

Tópicos

Últimas

Do arquivo