Enfermeiros trocam vacinas contra a gripe A por bilhetes para os U2

Vítor Elias 26 de Outubro de 2009

A reserva da maioria dos enfermeiros e de vários médicos em tomarem a vacina contra o H1N1, cuja campanha de vacinação se iniciou hoje, tem uma explicação simples: pretendem trocá-la por bilhetes para os concertos do U2 em Coimbra.

Os enfermeiros e médicos preferem arriscar a vida a perderem a oportunidade de verem Bono Vox cantar “Sunday Bloody Sunday” pela milionésima quinquagésima terceira vez ao vivo. Alguns, mais altruístas, chegaram ao ponto de abdicar das vacinas a que tinham direito e oferecê-las aos membros do U2, impedindo assim o desolador e inadmissível cenário de Bono Vox, The Edge e companhia poderem morrer até 2010, um gesto de sacrifício considerado “exemplar” pelos milhares de fãs patéticos da banda irlandesa em Portugal.

Tópicos

Últimas

Do arquivo