Benfica gasta todos os golos que deveria marcar até 2020

Vítor Elias 1 de Setembro de 2009

À semelhança do que aconteceu com 43 milhões de euros de patrocínio da Central de Cervejas até 2020, que já foram todos gastos, o Benfica gastou ontem à noite todos os golos que deveria marcar até 2020.

A partir de agora, o Benfica, para ganhar jogos, deve limitar-se a esperar que os adversários marquem auto-golos ou que não apareçam em campo, ganhando o Benfica, conforme mandam as regras em caso de falta de comparência do adversário, por 3-0. De referir que, precisamente por causa dessa regra, o resultado do Benfica-Vitória de Setúbal pode ainda aumentar para 11-1, pois ninguém, no recinto ou pela televisão, deu pela presença do Vitória de Setúbal, ontem, no Estádio da Luz.

Tópicos

Últimas

Do arquivo