Portas exige mais fiscais de linha para barrar entrada de estrangeiros nos relvados

Mário Botequilha 20 de Agosto de 2009

Na primeira jornada da Liga houve mais estrangeiros do que portugueses e madeirenses em campo. Os alarmes tocaram de imediato no Largo do Caldas e Paulo Portas exigiu o aumento de efectivos policiais, ao nível de bandeirinhas, quartos, quintos e vigésimos árbitros.

A ideia do CDS é aumentar a vigilância das fronteiras, as linhas laterais, e impedir que futebolistas medíocres estrangeiros roubem o lugar a futebolistas medíocres portugueses.

Tópicos

Últimas

Do arquivo