Sex Lab vai continuar como normal peep show

David Marçal 8 de Junho de 2009

Mesmo depois de terminado o estudo sobre a saúde sexual dos portugueses, o Sex Lab da Universidade de Aveiro deverá continuar com as sessões contínuas de conteúdo explícito.

“No início até oferecíamos bolachinhas e o bilhete de comboio, mas neste momento já temos tantos voluntários que optámos por cobrar entrada, com descontos à segunda-feira que é o dia mais fraco”, adiantou ao IP um dos investigadores do Sex Lab, onde o repórter IP teve que se deslocar sete vezes ao longo da última semana, para fazer esta reportagem. “Começamos por medir as respostas fisiológicas a estímulos sexuais através de equipamentos que medem a vaso-congestão vaginal na mulher e a erecção do pénis no homem, enquanto projectávamos imagens sugestivas na privacidade de um gabinete ou cabine. Desde que passámos para o Cineteatro Aveirense simplesmente apagamos as luzes e vamos embora. As pessoas preenchem depois um questionário on-line, mas nem é obrigatório.”



Tópicos

Últimas

Do arquivo