Ali Agca quer ser português e presidente do Sporting

Mário Botequilha 18 de Maio de 2009

O turco Ali Agca, que em 1981 tentou assassinar João Paulo II, pediu a nacionalidade portuguesa. A notícia não foi uma surpresa para quem já sabia que Agca tem todos os CD de Alfredo Marceneiro e dos Delfins, conhece a receita secreta dos pastéis de Belém e sempre alimentou um desejo secreto de tentar assassinar um dos três grandes do futebol português.

Como o FC Porto é imortal e o Benfica já está morto, sobra o Sporting. Segundo a Lusa, Agca ambiciona ser presidente dos leões (é o 17º candidato até agora) e já prometeu fazer do Sporting o Gençlerbirliði da 2ª Circular.



Dados os antecedentes de Agca, a segurança de Pinto da Costa, também conhecido por “Papa”, foi ontem discretamente reforçada.

Tópicos

Últimas

Do arquivo