Funcionários públicos vão trabalhar mais, receber menos e doar um rim ao Estado

Por Vítor Elias

A austeridade vai aumentar nos funcionários públicos, que não apenas terão de trabalhar mais uma hora por dia e receberem menos 12% de salário como terão ainda de perder 50% dos rins, sendo metade deles cativos pelo Estado e devolvidos à medida que a economia cresça, uma fatia de isca de cada vez.

O ataque aos funcionários públicos foi concertado por todos os ministérios e recebeu o nome de código “Operação Henrique Raposo”. VE

SIGA-NOS NO FACEBOOK

Sexta-feira acompanhe a versão impressa do Inimigo Público com o jornal Público.


(0) Comentários
Comentar

20.9.2013