Brasil e Estados Unidos podem juntar destituições de Michel Temer e Donald Trump num único processo para ficar mais barato

Mário Botequilha 18 de Maio de 2017

O presidente do Brasil foi gravado a comprar o silêncio de um deputado e a negociar outros favores com subornos. O presidente dos EUA está metido num molho de brócolos devido à demissão do antigo director do FBI e à sua tentativa de silenciar uma investigação ao papel dos serviços secretos russos nas eleições presidenciais de Novembro do ano passado. Ora impeachment puxa impeachment e Brasil e Estados Unidos já negoceiam uma forma de correr de uma só penada com os dois chefes de estado alegadamente corruptos ou mentirosos (riscar o que não interessa). “Fica mais barato e poupa-se imenso tempo. Digo ‘like’”, opinou a PGR portuguesa, ainda afogada em cartas rogatórias da Operação Marquês.

Tópicos

Últimas

Do arquivo