Debate quinzenal: grupo parlamentar do PS quis que Costa falasse no plenário via Skype em vez de Seguro

Mário Botequilha 26 de Setembro de 2014

O debate quinzenal, na assembleia, foi hoje perturbado por um incidente processual. O grupo parlamentar do PS, que passou a manhã toda a atirar bolinhas de papel com saliva através de tubos de esferográfica ao secretário-geral, exigiu que Assunção Esteves deixasse António Costa dizer das boas a Passos Coelho, via Skype ou SMS ou com um megafone a partir das galerias. Como a presidente da assembleia da república recusou o requerimento, José Lello gritou muito e, num protesto simbólico muito aplaudido pelo Galamba, rasgou o antigo cartão de cliente do Blockbuster. MB

Tópicos

Últimas

Do arquivo