Passos quer indexar salário à produtividade (o que significa que ele próprio deixa de receber ordenado)

Mário Botequilha 16 de Abril de 2014

Passos Coelho disse ontem que pretende indexar os aumentos salariais à produtividade mas já se arrependeu.

Logo a seguir à entrevista na SIC, o PM fez algumas contas rápidas num canto do Record e entrou em pânico. Com esta medida, Passos nunca mais será aumentado na vida. Pior: pode até deixar de receber salário, dado que a sua produtividade só é favoravelmente apreciada em círculos muito restritos como a Goldman Sachs ou pessoas que constam da lista de contactos do telemóvel de Miguel Relvas. MB

Tópicos

Últimas

Do arquivo