Ruptura nos preservativos grátis não impede governo de continuar a fornicar a economia

Mário Botequilha 23 de Novembro de 2012

O sistema de distribuição gratuita de preservativos da direcção-geral de saúde está em pré-ruptura.

No entanto, Passos Coelho, rodeado de 80 agentes de segurança, disse aos jornalistas que “não será isso a tirar a vontade do governo de manter relações sexuais à força toda com a economia. Assim como assim, a nossa economia já tem tantas doenças que mais dez ou doze fazem tanta diferença como uma epidemia de ébola na Casa dos Segredos”, disse o senhor. MB

SIGA-NOS NO FACEBOOK


Sexta-feira acompanhe a versão impressa do Inimigo Público com o jornal Público.

Tópicos

Últimas

Do arquivo