Universidade Católica adopta política ‘Don’t Ask, Don’t Tell’ que permite aos alunos usarem sandálias desde que não façam grande alarido sobre isso

Vítor Elias 2 de Agosto de 2011

O EUA vão revogar a famosa política “Don’t Ask, Don’t Tell” que permite homossexuais no exército desde que não afirmem publicamente a sua orientação sexual.

A política terá sido comprada esta semana pela Universidade Católica, que permitirá assim aos seus alunos usarem sandálias, calções sujos e camisas do Che Guevara coçadas desde que não digam que gostam do Manu Chao e que frequentam o Festival Músicas do Mundo em Sines. De igual modo, com a nova política a “Nullus Scisco Nullus Loquor” (“Don’t Ask, Don’t Tell”) a UC vai revogar a proibição de vestir camisolas do Benfica, podendo os alunos voltar a usá-las, desde que não sejam as antigas do Pedro Mantorras (símbolo de benfiquismo fanático). O professor da UC João César das Neves respeitará a nova política, permitindo aos seus alunos vestirem o que quiserem, desde que não seja da marca Ralph Lauren, cujo logótipo representando um jogador de pólo evoca, segundo ele, um dos quatro cavaleiros do Apocalipse. VE




SIGA-NOS NO FACEBOOK


Sexta-feira acompanhe a versão impressa do Inimigo Público com o jornal Público.

Tópicos

Últimas

Do arquivo