Crise do subprime atinge Reino dos Céus

Inimigo Público 13 de Julho de 2010

Por Pedro P. Teixeira

O Vaticano informou no passado sábado, dia 10, que teve o seu terceiro prejuízo anual consecutivo em 2009. Segundo a assessoria de imprensa do Vaticano, o valor do prejuízo ascendeu a 4,1 milhões de euros.

Quando questionado acerca das causas para os maus resultados Ettore Gotti Tedeschi, director do Banco do Vaticano, imputou uma parte da responsabilidade à crise que afectou todo o sector imobiliário, mas não só: “Claro que a crise do subprime é em parte responsável por estes números, mas serviu apenas para acentuar um problema que já existia. No tempo da Inquisição era tudo mais fácil, os lugares no Céu vendiam-se como pãezinhos quentes, mas hoje em dia a realidade é bem diferente.” Apesar das dificuldades dos últimos anos, Gotti Tedeschi reafirmou a recusa do Vaticano em adoptar uma política comercial mais agressiva: “Alguns dos nossos concorrentes prometem virgens como incentivo à venda, para já não encaramos essa possibilidade, mas se as coisas continuarem assim, talvez tenhamos de recorrer a estratégias semelhantes no futuro.”

Tópicos

Últimas

Do arquivo